Pular para o conteúdo principal

Criando novos recursos hídricos

À medida que a população cresce e a urbanização continua, a pressão sobre os recursos hídricos aumenta. A SUEZ aborda esta questão desenvolvendo soluções inovadoras, como recarga artificial de aquíferos, dessalinização e reutilização de águas residuais.

Desafíos

Preservar os recursos hídricos

Economizar os recursos hídricos
Limitar as quantidades extraídas das águas subterrâneas
Aproveitar novos recursos para produzir água potável

Recargar artificialmente las reservas subterráneas para proteger las capas freáticas

Mais de dois bilhões de pessoas dependem dos aquíferos para acesso à água potável. Todos os anos, cerca de 1.000 km³ de água são extraídos em todo o mundo. Essas necessidades crescentes são combinadas com a sobreexploração de certos lençóis freáticos, exigindo o desenvolvimento de novas soluções para controlar e recarregar as reservas de água subterrânea.

Chapultepec
No parque de Chapultepec, uma planta de tratamento de água permitirá a reutilização de águas residuais municipais em recarga de aquíferos e irrigação para a floresta.

Reutilizar a água e recargar os aquíferos

A escassez de água é uma realidade na Cidade do México. Cerca de 75% dos 20 milhões de habitantes da área metropolitana da Cidade do México dependem dos recursos hídricos subterrâneos. As necessidades de água per capita excedem 38% de disponibilidade em água neste território, onde as áreas do aqüífero já estão poluídas, sobreexplotadas causando um colapso do solo de um centímetro por ano.

No centro da cidade, a floresta de Chapultepec de 686 hectares, o dobro do tamanho do Central Park em Nova York, está sendo construído uma planta de tratamento de águas residuais usando tecnologias avançadas capaz de reutilizar a água para as atividades recreativas (os lagos do Parque de Chapultepec), para regar a floresta, e para recarregar os aquíferos da cidade. Além disso, o projeto contempla aproveitamento de lodos para melhorar os solos no parque de Chapultepec. A SUEZ está construindo a planta e irá fornecer um sistema de Biorreactor de Membranas com a tecnologia Ultrafor™ juntamente com um tratamento de polimento avançado que combina a ultrafiltração, ultravioleta, Osmose Reversa (UF+RO+UV) para recarregar o aquífero.

Combater melhor a escassez de água

A cidade de Hyères les Palmiers, no sul da França, é regularmente afetada por secas, e também deve lidar com um aumento na demanda por água potável durante a temporada de férias.
A solução para evitar essas intrusões foi tirar água do canal Jean Natte no inverno, quando o nível da água é alto, e reintroduzir no lençol freático. A recarga artificial está na fase de teste. Uma solução que restaura o nível do lençol freático e evita intrusões, mantendo a água satisfatória para todos os usos.

Para maiores informações:

Utilizar fontes renováveis para dessalinizar água do mar

Em Abu Dhabi, Emirados Árabes Unidos, a SUEZ assumiu o desafio de dessalinizar a água do mar para produzir água potável usando as energias renováveis. O Grupo foi responsável pela operação, construção e operação de uma unidade piloto de dessalinização que é exclusiva em todo o mundo.
"A SUEZ testa e desenvolve soluções alternativas para reduzir o impacto ambiental da dessalinização, para proteger e gerenciar de forma sustentável recursos hídricos limitados, particularmente no Oriente Médio"

Pierre PauliacCEO da SUEZ no Oriente Médio

Conservar 99,9% do sal presente na água do mar

A osmose reversa é uma tecnologia de ponta desenvolvida e patenteada pela SUEZ que retém mais de 99,9% do sal dissolvido na água, usando efeitos de pressão. Este desempenho é conseguido usando um filtro de membrana que retém moléculas de sal, deixando as moléculas de água fluir. A água doce é coletada e imediatamente, é submetida a inúmeros testes antes de ser distribuída, enquanto o sal é diluído, antes de ser devolvido ao ecossistema marinho.

200 milhões de pessoas em todo o mundo se beneficiaram da aplicação desta tecnologia em 2016.

Inventar novas tecnologias de dessalinização de água do mar

Em Masdar, Abu Dhabi, a SUEZ construiu uma unidade piloto de dessalinização com eco-energia para a futura cidade verde dos Emirados. O objetivo é testar e desenvolver tecnologias de dessalinização de água do mar que utilizam fontes de energia 100% renováveis e energia solar em particular.

Uma vez que esta fase de pesquisa foi concluída, as tecnologias serão implementadas para permitir que as instalações de dessalinização na região atinjam um desempenho energético superior as instalações mais sofisticadas atualmente em operação e com um impacto ambiental mínimo.

Projetar processos de gerenciamento de água mais sustentáveis  

A SUEZ está trabalhando ativamente com seus vários aliados na definição de novos processos industriais de gerenciamento de água, seguindo as linhas do projeto E4Water. Este consórcio europeu, que reúne 19 associados da indústria química, especialistas em tratamento de água, centros de pesquisa e universidades, foi criado para analisar soluções ambientais concretas.
Através do projeto E4Water, a SUEZ está trabalhando para encontrar soluções ambientais concretas para clientes industriais para reduzir seu consumo de água ou energia.

Reduzir o impacto global no meio ambiente

A ambição da E4Water é desenvolver, testar e validar novas abordagens, metodologias e processos integrados que melhorem a gestão da água industrial, em particular através da reciclagem de águas residuais.
O objetivo do setor é reduzir o consumo de água de 20% para 40%, as descargas de água de 30% para 70%, o consumo de energia de 15% para 40% e os custos associados até 60%.

Definir novos processos industriais

A SUEZ está envolvida neste consórcio em projetos específicos que reúnem dois de seus clientes industriais: Total Refining & Chemicals e Procter & Gamble. Processos industriais robustos e controle começaram a ser recomendados para serem utilizados e implantados por certas indústrias, as mais expostas ao estresse hídrico.

Para maiores informações:

Palavras mais buscadas
INÍCIO