Água

No Caribe, a SUEZ encontra soluções para uma melhor gestão da água a curto prazo e implementa estratégias inclusivas a longo prazo para mudar a situação de uma forma duradoura

Em 2015, na América Latina e no Caribe, 18 milhões de pessoas continuaram praticando a defecação a céu aberto e 8,5 milhões conseguiram água potável em águas superficiais. Garantir o acesso universal à água potável é uma prioridade na região, uma tarefa que não é fácil para as ilhas caribenhas que sofrem com escassez de água e desastres naturais.